OBQJr

Premiações 

O Colégio Londrinense conquistou três premiações na Olimpíada Brasileira de Química Júnior de 2020, cuja prova da fase final foi aplicada no dia 21 de fevereiro deste ano.

Os estudantes Heuel Kaleb Gonçalves Padilha e Rafael Tagliamento Santana ganharam a medalha de bronze e o aluno Gregório Hikaru Suzuki de Lima obteve a menção honrosa.

As três conquistas garantiram ao Colégio Londrinense o melhor desempenho entre as escolas da Região Sul do Brasil na competição.

Gregório Hikaru Suzuki de Lima - menção honrosa
Heuel Kaleb Gonçalves Padilha - medalha de bronze
Rafael Tagliamento Santana - medalha de bronze

Fase Final

Os alunos do Anglo Londrinense finalistas da Olimpíada Brasileira de Química Júnior de 2020 fazem a prova on-line no dia 21 de fevereiro no site da competição.

As 23 questões programadas, sendo 20 objetivas e três analítico-expositivas, devem ser resolvidas no tempo máximo de duas horas, entre as 9h e as 16h do domingo.

Finalistas

O Colégio Londrinense tem oito estudantes classificados para a fase final da Olimpíada Brasileira de Química Júnior deste ano, o melhor desempenho de Londrina e região.

Foram convocados os alunos que acertaram 11 ou mais questões na etapa inicial da competição, realizada em setembro.

A prova final presencial será agendada após o encerramento em todos os estados do isolamento social.

Camila Ayumi Kawamoto
Graciele Miki Sazaka
Gregório Hikaru Suzuki de Lima
Heuel Kaleb Gonçalves Padilha
Isabela Carradore Soléo
Julia Naomi Sugahara
Mariana Rodrigues Callegari
Rafael Tagliamento Santana

Primeira Fase

Todos os estudantes do 9º ano do Colégio Londrinense estão inscritos na Olimpíada Brasileira de Química Júnior deste ano.

A prova da primeira fase, com 20 questões objetivas, será aplicada entre os dias 11 e 16 de setembro, com até duas horas de duração, no site oficial da competição ou pelo aplicativo da OBQJr. Os alunos mais bem classificados disputam a etapa final nas sedes estaduais, ainda sem data definida.

A Olimpíada Brasileira de Química Júnior é promovida pela Associação Brasileira de Química, coordenada pela Universidade Federal do Ceará e Universidade Federal do Piauí e executada pelo Programa Nacional Olimpíadas de Química.